Mercado

Banco de Poupança e Crédito lidera crédito da banca nacional

01/10/2015 - 11:21, Banca, BNA

O BPC encabeça o ranking da concessão de crédito no exercício financeiro de 2014, entre as instituições bancárias que mais lucraram no País, no ano passado.

Por Fernando Baxi e André Samuel | Fotografia Njoi Fontes

O BPC é o líder isolado no mercado bancário nacional na concessão de crédito no exercício financeiro de 2014, com uma carteira avaliada em 885 mil milhões Kz. Só a particulares, o BPC concedeu 374,4 mil milhões Kz de crédito, enquanto o comércio foi o sector com maior volume de crédito, ao beneficiar de 228,2 mil milhões Kz, e o de serviços, 135,1 mil milhões Kz.
O sector da construção recebeu do BPC 84,7 mil milhões Kz, seguido da agricultura, com 57,2 mil milhões Kz; a indústria transformadora e extractiva obteve 28,3 mil milhões Kz.
O BAI, agora sob gestão do banqueiro José de Lima Massano, é o segundo classificado no nosso ranking ao conceder crédito na ordem dos 365,5 mil milhões Kz. A posição deste banco deveu-se, principalmente, ao aumento do crédito ao Estado, variação da taxa de câmbio sobre o crédito e provisões em moeda estrangeira.
O BIC, na terceira posição, financiou o montante de 278,8 mil milhões Kz da carteira de crédito, com destaque para os sectores da construção e do comércio, que consumiram, respectivamente, 19,5% e 14,8% do total. São os que mais apoios receberam da instituição. Já o crédito concedido a clientes particulares atingiu 19,20% do total.
Na quarta posição do ranking figura o BFA, que, no período financeiro citado, concedeu crédito no valor de 229,5 mil milhões Kz. Em 2014, o crédito total à economia do banco cresceu 15% em termos homólogos até Dezembro, que compara com um crescimento de 14% no mesmo período do ano anterior.
Desta forma, a expansão do crédito do BFA resultou de um aumento do crédito ao sector privado, que cresceu 16% em termos homólogos em Dezembro do ano em análise. Já o crédito ao sector público – excluindo a Administração Central – sofreu um decréscimo de 17%.
O Banco Privado Atlântico ocupa o quinto lugar, na lista da banca nacional que mais créditos concedeu em 2014, com 195,6 mil milhões Kz.
Ainda no mesmo período, o Banco Millennium Angola concedeu crédito num montante avaliado em 117,8 mil milhões Kz, facto que o remete  ao sexto lugar do ranking dos bancos com maior quota creditícia no mercado nacional.
O sétimo lugar do ranking é reservado ao Banco de Desenvolvimento de Angola (BDA), que no período supracitado efectuou crédito avaliado em 97 mil milhões Kz.
Também se inclui o Banco Caixa Geral Totta de Angola no grupo das instituições bancárias que mais créditos atribuíram à economia, com um montante disponibilizado de 61,3 mil milhões Kz.
O Banco Keve contabilizou crédito de 46,8 mil milhões Kz, facto que o coloca no nono lugar do ranking, ao passo que o Standard Bank Angola atingiu 42,8 mil milhões Kz.

BFA lidera nos lucros, BAI, nos depósitos
O BFA liderou os lucros de toda a banca em 2014, com 31,8 mil milhões Kz, seguido do BIC, com 20,5 mil milhões Kz, e do BAI, com 12,8 mil milhões Kz, o segundo no top 10 do jornal Mercado, cuja análise de partida foram os resultados líquidos. Já na carteira de depósitos, o BAI liderou, conforme ilustram as tabelas em páginas sobre lucros, crédito e depósitos. Este é o segundo ranking da banca nacional que o jornal Mercado produz, depois de no primeiro top (edição n.º 5, 30 de Junho) fazermos a análise mais circunscrita aos resultados líquidos do exercício de 2014, face ao ano anterior.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.