Mercado

Câmara de Comércio Angola-China pretende impulsionar agroindústria

31/01/2017 - 16:35, Business

Sem adiantar números sobre o investimento, o presidente da Câmara, Arnaldo Calado, assegura que a relação entre os dois países é estável.

Prevê-se a assinar, a execução de dois projectos nas áreas de ensino/saúde e da agroindústria. A Câmara de Comércio Angola-China (CAC) fez o anúncio, esta terça-feira.

De acordo Angop, os projectos surgem do interesse dos parceiros sino-angolanos na construção de novos pólos universitários, bem como escolas do ensino médio e superior.

Sem adiantar números sobre o investimento, o presidente da Câmara, Arnaldo Calado, assegura que a relação entre os dois países é estável.

“Quando começamos éramos 16 empresas. Actualmente o número cresceu para 600 empresas angolanas e chinesas implementadas nas 18 províncias do País”, avançou.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.