Mercado

Corredor do Lobito procura financiamento para as empresas da região

21/08/2015 - 17:20, Construção & Obras Públicas, Geral

O Gabinete Técnico do Corredor do Lobito pretende mobilizar linhas de crédito especiais para as empresas da região, para o efeito vai estabelecer acordos com instituições financeiras internacionais para suporte de projectos ao investimento A região conta com a presença de empresas “gigantes” de âmbito nacional no sector dos transportes como o Caminho-de-Ferro de Benguela […]

O Gabinete Técnico do Corredor do Lobito pretende mobilizar linhas de crédito especiais para as empresas da região, para o efeito vai estabelecer acordos com instituições financeiras internacionais para suporte de projectos ao investimento

A região conta com a presença de empresas “gigantes” de âmbito nacional no sector dos transportes como o Caminho-de-Ferro de Benguela e o Porto do Lobito e três aeroportos internacionais, Catumbela, Albano Machado e Comandante Dangereux.

De acordo com o director do Gabinete Técnico, Jesus Martins, há igualmente a intenção intensificar a actividade comercial que veicula pelo corredor com origem ou destino noutros países, assim como acontece com o escoamento de minério das regiões do Catanga.

Está projectado o arranque de companhias voltadas ao sector petrolífero como a Refinaria do Lobito, com capacidade para processar 200 mil barris de crude por dia, da SONAMET voltada a produção de estruturas metálicas pesadas para plataformas petrolíferas, a ANGOFLEX industria de produção de tubos de aço e condutas para injecção de água e gás nas perfurações petrolíferas em águas profundas e ANGOBETUMES de produção de betuminosos para a construção de estradas.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.