Mercado

Produção de bebida afectada pela escassez de divisas

02/02/2017 - 12:34, Business

O reconhecimento do estado actual do sector ocorreu durante uma visita do ministro da Economia, Abraão Gourgel e o secretário de Estado da Indústria, Quiala Gabriel, acompanhados de uma delegação a algumas fábricas em Luanda.

A falta de divisas afectou a produção do sector de bebidas angolano. O reconhecimento do estado actual do sector ocorreu durante uma visita do ministro da Economia, Abraão Gourgel e o secretário de Estado da Indústria, Quiala Gabriel, acompanhados de uma delegação a algumas fábricas em Luanda, avança Rede Angola.

“O nosso objectivo era ter a certeza do grau de operacionalidade das fábricas e a nossa impressão é positiva e daí que estamos até aqui bastante satisfeitos, registamos problemas que são já do nosso conhecimento”, adiantou Quiala Gabriel.

Uma das principais reclamações foi a escassez de divisas para aquisição de matéria-prima no exterior. O governante reconhece que a compra de divisas é nos dias de hoje, um produto de difícil acesso, com isso aconselha na aposta de aquisição local de matérias-primas. “Assim estaremos também a contribuir para a minimização da crise e a redução da necessidade de divisas no sistema bancário.”

Presente na visita, o presidente da Associação das Indústrias de Bebidas em Angola, Manuel Sumbula, assegurou que a instituição irá certificar os seus associados para melhor identificar e fiscalizar os membros que necessitam de divisas e outros apoios do Governo.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.