Mercado

BAI doa um milhão de kwanzas ao hospital sanatório do Moxico

03/01/2018 - 09:35, Capital Humano, featured

Um cheque no valor de um milhão de Kwanzas foi doado esta semana no Luena, ao hospital Sanatório provincial, uma iniciativa do Banco Angolano de Investimento (BAI), para suprir algumas necessidades vividas na unidade hospitalar.

O Banco Angolano de Investimento (BAI) doou esta semana cerca de um milhão de kwanzas ao hospital sanatório da província do Moxico.

Em declarações à imprensa, o coordenador comercial do BAI, na zona Luena, Júlio Salvador, disse que a acção, enquadra-se nas responsabilidades sociais do banco, para ajudar a diminuir os problemas sociais e de fármacos no sanatório da província.

Jackson Lobato, director Geral daquela unidade hospitalar, agradeceu e reconheceu que o montante vai permitir adquirir material de biossegurança, gastável e alguns medicamentos essenciais para auxiliar os pacientes internados.

Por outro lado, adiantou que o hospital debate-se com problemas de falta de medicamentos, sobretudo, os tuberculostáticos, que diz serem “muito difíceis e caros”, e os poucos fármacos existentes no stock, devem terminar neste mês de Janeiro.

Na unidade sanitária estão internados 21 pacientes e 416 outros fazem tratamento ambulatório.Com uma agência bancária na província do Moxico, o BAI, inaugurado em 2006, dentro da sua responsabilidade social construiu o Centro Educativo dos Salesianos de Dom Bosco, afecto a Igreja Católica.

A zona comercial Luena do BAI está integrada na direcção de particulares e negócios do Norte do país, abrangendo as províncias do Moxico, Lunda Sul, Lunda Norte, Malange, Uíge, Kwanza Norte, Zaire e Cabinda.

 

 

 

 

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.