Mercado

O segredo de uma boa liderança, segundo Mark Zuckerberg

13/02/2018 - 12:59, Capital Humano

A liderança está na base do sucesso de uma empresa. E o que exige uma boa liderança? Mark Zuckerberg responde.

Passou apenas um mês desde o início do ano, e Mark Zuckerberg já ganhou 4,16 mil milhões USD (cerca de 3,33 mil milhões EUR). O jovem de 33 anos, fundador do Facebook, subiu uma posição na Bloomberg’s Billionaires List (ranking com as pessoas mais ricas do mundo), ocupando agora o quarto lugar. Com o crescimento da rede social que fundou, em 2004, foi preciso afinar as técnicas de gestão que estão na base da liderança de uma vasta equipa. Em declarações à Freakonomics Radio, Zuckerberg revelou alguns pontos-chave das suas atitudes enquanto líder.“ O mais importante são as decisões e procedimentos que permitem às pessoas terem liberdade para escolher no dia-a-dia, sem te envolveres.

O Facebook trabalha, em grande parte, focado em dar grande liberdade aos seus engenheiros.” Confiar nas pessoas e no trabalho que elas desenvolvem dentro da empresa é, de acordo com Zuckerberg, a base do sucesso. “A verdadeira arte não é quando tens alguém que é uma superestrela e que vai tomar boas decisões, mas sim deixar as pessoas fazer coisas das quais discordas”, assegura. Numa empresa com mais de 23 mil funcionários, nem sempre é fácil gerir a diferença de opiniões. Contudo, Mark Zuckerberg garante que a confiança e a liberdade que dá à sua equipa traduzem-se em criatividade. “As pessoas vão sentir-se livres e terão um maior potencial para experimentar coisas diferentes que no futuro podem ser melhores, e é preciso deixá-las seguir esse caminho, mesmo que discorde delas.” Mas nem só de trabalho se faz o dia-a-dia do patrão da maior rede social do mundo. Fique a saber como é a rotina de Zuckerberg.

1. Acorda e vê o Facebook

Mark Zuckerberg acorda, todos os dias, por volta das 08h00 da manhã. O seu primeiro ritual é ver o seu Facebook, Messenger e WhatsApp, como contou o fundador numa entrevista conduzida pelo comediante Jerry Seinfeld.

2. Exercício

Depois de se actualizar, e antes de ir para o trabalho, Zuckerberg treina, pelo menos, três vezes por semana. Tanto o faz com um possível parceiro de negócios como com a mulher, Priscila… ou até com o cão Beast.

3. Alimentação

Ainda no percurso até aos escritórios do Facebook, Mark Zuckerberg aproveita para se alimentar mas, segundo o próprio, não dá muita atenção àquilo que come, pelo contrário. O empresário diz que normalmente “come aquilo que lhe apetece” naquele preciso momento, até porque “não quer perder tempo com pequenas decisões”.

4. Veste sempre igual

Zuckerberg veste quase sempre o mesmo: T-shirt, calças de ganga e ténis. E porquê? O patrão do Facebook não quer perder tempo com escolhas de roupa, prefere concentrar-se no seu trabalho.

5. Património

Enquanto está fora, a casa de Zuckerberg, situada em Palo Alto (Califórnia), está 100% segura, uma vez que, segundo a rede televisiva CNBC, além dos convencionais sistemas de segurança, a casa está também protegida por um sistema de inteligência artificial  desenvolvido  pelo  próprio Zuckerberg.

6. Trabalho, trabalho, trabalho…

Mark Zuckerberg dedica 50 a 60 horas por semana ao Facebook, mas está sempre a pensar na rede social.

7. Equipa

Segundo o The Verge, o Facebook tem uma equipa de 12 pessoas que se ocupam unicamente a eliminar comentários negativos na página oficial do Facebook, tal como manter Zuckerberg a par das novidades da empresa.

8. Família e formação

Quando não está no trabalho, o tempo de Zuckerberg é ocupado ou com a família, ou com a aprendizagem. Apesar do pedestal a que chegou, o líder continua a querer tornar-se uma pessoa mais sábia. Em 2015, Zuckerberg disse que um dos seus objectivos era conseguir ler, pelo menos, um novo livro a cada duas semanas. Além disso, o CEO do Facebook tem tido aulas de mandarim.

9. Rede

Os hábitos diários de Zuckerbeg mudam consoante as viagens que faz. Quando está em viagem, o mais provável é estar na companhia de outros grandes nomes do mundo actual, como Barack Obama, Jack Ma ou o papa Francisco.

10. Futuro

Muitas das viagens que Zuckerberg tem feito ultimamente têm servido para que tenha um maior conhecimento sobre o universo da política mundial. Intervir no mundo da política não está fora de questão para o fundador do Facebook.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.