Mercado

CEO do Alibaba acredita que a tecnologia vai trazer “mais dor que felicidade”

24/04/2017 - 10:36, Asia, Global Report

“Há 15 anos, discursei 200 ou 300 vezes alertando que a Internet ia impactar as indústrias, mas as pessoas não ouviram porque eu não era ninguém”, afirma Jack Ma.

Por Marta Velho*

Num discurso frente a empreendedores, esta segunda-feira, Jack Ma enveredou por um tom mais negro, diferente do seu entusiasmo visionário habitual.

De acordo com a Bloomberg, o CEO do gigante chinês Alibaba considerou que, com o avanço da tecnologia, “nos próximos 30 anos, o mundo vai ver muito mais dor do que felicidade”, assegurando que “os conflitos sociais nas próximas três décadas vão impactar todas as indústrias e modos de vida”.

Na conferência, Jack Ma explicou o que considera serem os melhores caminhos a seguir para facilitar o processo: por um lado, alterar o actual sistema de educação, por outro, garantir que os robots apenas executam o que os humanos não são capazes de fazer.

“Há 15 anos, discursei 200 ou 300 vezes alertando que a Internet ia impactar as indústrias, mas as pessoas não ouviram porque eu não era ninguém”.

Ainda assim, na conferência que teve lugar em Zhengzhou, China, o CEO da Alibaba mantém-se crítico em relação às companhias que ainda não se adaptaram à tecnologia, considerando, por exemplo, que a computação em nuvem e a inteligência artificial são essenciais para qualquer indústria e que, se os líderes das empresas ainda não entenderem isso, devem pedir aos mais novos que lhos expliquem.

Dinheiro Vivo*

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.