Mercado

Moody’s prepara-se para cortar rating de 30 países em 2017

14/11/2016 - 16:40, Global Report

“A previsão de ‘Outlook’ dos ratings é negativa” devido à conjugação de vários factores, entre os quais estão uma política orçamental expansionista que vai aumentar o já endividado seCtor público, aumento dos riscos políticos e geopolíticos e um contínuo crescimento económico baixo”, afirma agência.

O ano novo vai começar “mal” para alguns países. A agência de notação financeira, Moody’s, prepara-se para cortar o rating a mais de três dezenas países no novo ano, avança o Económico.

“A previsão de ‘Outlook’ dos ratings é negativa” devido à conjugação de vários factores, entre os quais estão uma política orçamental expansionista que vai aumentar o já endividado sector público, aumento dos riscos políticos e geopolíticos e um contínuo crescimento económico baixo”, afirma Moody´s baseando-se no relatório sobre a Perspectiva Global do Crédito Soberano para o próximo ano.

Neste relatório é revelado que, a nível global, prevê-se rever em baixa 26% do crédito soberano avaliado em 134 países.

“A percentagem de países com uma Perspectiva de Evolução Estável caiu de 75%, no ano passado, para 65%, enquanto 9% têm um ‘Outlook’ positivo, semelhante aos 8% do ano passado”, lê-se no relatório enviado aos investidores.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.