Mercado

UE assume em 2018 presidência rotativa do Processo de Kimberley

24/11/2016 - 11:05, Global Report

Durante o seu mandato, a União Europeia, irá se dedicar ao reforço do diálogo entre três grupos de parceiros, designadamente Governos, indústrias de diamante e a sociedade civil.

Em 2018, União Europeia (UE) assume a presidência rotativa do Processo de Kimberley. Entretanto, para o ano que vem, o posto será ocupado pela Austrália, e a UE exercerá as funções de vice-presidente.

Durante o seu mandato, a União Europeia, irá se dedicar ao reforço do diálogo entre três grupos de parceiros, designadamente Governos, indústrias de diamante e a sociedade civil, em previsão da reforma proximamente do Processo de Kimberley, criado em 2002.

O objectivo do Processo de Kimberley é controlar exportações e importações de diamantes, para combater o tráfico ilegal destas pedras preciosas, cujo dinheiro fomenta guerras civis.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.