Mercado

Linha de crédito beneficia pesca artesanal

22/12/2015 - 23:30, Uncategorized

O programa nacional de crédito para o sector das pescas e da aquicultura foi lançado nesta terça-feira no município de Cacuaco, em Luanda, pela secretária de Estado das Pescas, Maria Antónia Nelumba. Realçou a importância do peixe para o consumo humano, segurança alimentar e nutricional, garantia de emprego, aumento da renda familiar e contribuição no […]

O programa nacional de crédito para o sector das pescas e da aquicultura foi lançado nesta terça-feira no município de Cacuaco, em Luanda, pela secretária de Estado das Pescas, Maria Antónia Nelumba.

Realçou a importância do peixe para o consumo humano, segurança alimentar e nutricional, garantia de emprego, aumento da renda familiar e contribuição no programa de combate à fome e à pobreza.

O país possui um grande potencial para a exploração de recursos pesqueiros, disse Maria Nelumba, não só no litoral mas, também, no interior onde mais de 25 mil angolanos se dedicam à pesca artesanal marítima e continental.

O programa vai ser implementado em 36 municípios de províncias do litoral e do interior, numa primeira fase, onde as actividades de pesca registam uma maior dinâmica e beneficiará pescadores agrupados em cooperativas, ou grupo solidário de cinco a seis pescadores que habitam na mesma comunidade.

Em Outubro passado, o Executivo anunciou uma linha de crédito para financiar os sectores da Agricultura, da Pecuária e das Pescas no valor de 12,5 mil milhões de Kwanzas.

O Banco de Poupança e Crédito é responsável pela operacionalização da linha de crédito às empresas que operam nos referidos sectores.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.