Mercado

Títulos do Tesouro registam queda de 225% na bolsa

03/09/2015 - 14:58, Bodiva, Markets, Uncategorized

Os títulos do Tesouro registaram a primeira queda em número de obrigações emitidas em Julho, um recuo de 255% em relação a Junho, no Mercado de Registo de Títulos do Tesouro (MRTT) da BODIVA, segundo cálculos do jornal Mercado com base em relatórios mensais da bolsa.

Por André Samuel | Fotografia Walter Fernandes

A Bolsa de Dívida e Valores de Angola (BODIVA) registou, em Julho último, a negociação de 63.222 Obrigações do Tesouro (OT) e Bilhetes do Tesouro (BT). Os títulos emitidos caíram duas vezes e meia se comparados aos indicadores de Junho, quando a bolsa emitiu 161 301 de OT e BT.
Desta forma, as obrigações em quantidade emitidas registaram uma retracção de 255%, o que levou a que em Julho fossem movimentados 9.000 milhões Kz contra os 22,7 mil milhões Kz de Junho.
Dos intermediários registados na bolsa e a operarem no MRTT, apenas o Banco de Fomento Angola (BFA), o Banco Angolano de Investimentos (BAI) e o Banco Millennium Angola (BMA) emitiram títulos em Junho e Julho, embora no sétimo mês a BODIVA já houvesse admitido como agentes intermediários os bancos Standard Bank e BNI.
Apesar de liderar as transacções nos dois meses em análise, o BFA reduziu as suas emissões em 10 pontos percentuais ao passo que o BAI e o BMA aumentaram as movimentações na ordem de três e sete pontos percentuais, respectivamente (ver quadro).
De acordo com a BODIVA, o registo das transacções no MRTT, ao dar a conhecer a todo o mercado os termos dos negócios (preço e quantidade) efectuados, irá concorrer para o aumento da transparência e da confiança dos investidores, bem como para a formação de uma curva de preços para os activos nele registados, que deverão servir de referência para futuras transacções.
A BODIVA tem informado que todo e qualquer investidor que pretenda transaccionar títulos de dívida do Estado deverá contactar os intermediários financeiros licenciados pela Comissão do Mercado de Capitais (CMC) e registados na BODIVA, que actualmente são os bancos BFA, BAI, Millennium, Standard Bank, BNI e Atlântico.

Obrigações de Julho face a Maio
Em Maio passado, o Mercado de Registo de Títulos do Tesouro da BODIVA registou as primeiras obrigações emitidas, apenas pelo intermediário BFA, com a negociação de 27.779 obrigações do tesouro, movimentando, desta forma, um montante superior a 5000 milhões Kz (47 milhões USD), um passo considerado importante por analistas de mercado de capitais. Se por um lado as obrigações emitidas em Julho perdem duas vezes e meia em relação às de Junho, em quantidade, por outro lado, superam em 127,9% as de Maio último.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.