Mercado

Banco Sol inicia serviços em mandarim

14/08/2017 - 12:34, Banca, Banca

A medida tem por objectivo atrair para o sistema bancário a população residente no País.

O Banco Sol respondeu de forma positiva à solicitação da Câmara de Comércio China-Angola para a abertura de balcões de atendimento personalizado em mandarim, avança o Jornal de Angola.

A solicitação foi apresentada pelo presidente daquela câmara, Manuel Calado, no decurso de um seminário subordinado ao tema do “Fomento de negócios e parcerias” promovido pelo Banco Sol.

A medida tem por objectivo atrair para o sistema bancário a população residente no País.

Segundo o gestor, existe uma grande dificuldade por parte dos chineses em aderirem aos bancos que operam em Angola, uma oportunidade de negócio que fez com que o Banco Sol tenha decidido criar serviços especializados que trabalham e oferecem produtos em língua chinesa e protecção física dos clientes durante as operações.

“Estamos a trabalhar com os bancos nacionais para começar a abrir agências destinadas à comunidade chinesa com alguma segurança, facilidade de comunicação e o lançamento de linhas de crédito para jovens angolanos interessados em adquirir habitações em projectos promovidos por chineses”, anunciou Manuel Calado.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.