Mercado

Acordo de Brexit pode ser aprovado em Março de 2019

09/03/2018 - 14:17, featured, Global Report

De acordo com a agência Bloomberg, os responsáveis britânicos acreditam que o acordo para a saída do Reino Unido da União Europeia só vai ser possível pouco antes de Março de 2019.

O responsável pelo negócio de Londres, Michael Bernier afirmou recentemente que o acordo pode ser efectuado no próximo mês de Outubro, concedendo ao Parlamento Europeu e ao Parlamento britânico tempo suficiente para a respetiva aprovação antes de Março de 2019.

Já David Davis, responsável do governo britânico para o Brexit, admitiu em público que o prazo pode “escapar”, mas segundo as fontes da agência Bloomberg anunciaram que o acordo vai atrasar-se até Janeiro do próximo ano.

Na quinta-feira, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que o Reino Unido deve apresentar soluções referindo-se objectivamente às posições de Londres sobre a questão da fronteira na Irlanda.

Donald Tusk reuniu-se em Dublin com o primeiro-ministro irlandês, Leo Varadkar, a quem disse que todos os líderes da União Europeia, sem excepção, “estão contra a existência de uma ‘fronteira física'” que pode vir a prejudicar o processo de paz e as economias da República da Irlanda e da província britânica da Irlanda do Norte.

“O Brexit é uma questão que diz respeito aos 27 países, incluindo a Irlanda e o Reino Unido, e não afecta apenas a Irlanda e o Reino Unido”, sublinhou Tusk criticando todos os que pensam que a posição de Dublin pode impedir o avanço das negociações.

Por outro lado o governo de Theresa May insiste em afirmar que todo o país, incluindo da Irlanda do Norte, deve abandonar a união alfandegária e o mercado único após o Brexit” apesar de manter aberta e inalterada a actual fronteira entre a província e a República da Irlanda.

Se Londres não apresenta “soluções reais” para ultrapassar este objectivo, Bruxelas propõe que a província britânica se mantenha dentro dos espaços económicos para manter a livre circulação entre os dois territórios, uma questão que é encarada como vital para o processo de paz.

 

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.