Mercado

Schäuble alerta para risco de uma nova crise financeira no adeus ao Eurogrupo

12/10/2017 - 12:03, Global Report

O ministro das Finanças alemão, que está de saída do cargo, avisa que há o risco de novas bolhas.

Por  Dinheiro Vivo Lusa 

Wolfgang Schäuble alertou, em entrevista ao Financial Times, que os níveis crescentes de dívida e liquidez a nível global constituem um grande risco para a economia e que existe o perigo da formação de “novas bolhas”. O ministro das Finanças alemão, que está de saída do seu cargo e, por inerência, do Eurogrupo, avisa que os biliões de dólares que os bancos centrais têm estado a injectar nos mercados encorajam a criação de bolhas.

“Economistas de todo o mundo estão preocupados com o aumento dos riscos da acumulação de mais e mais liquidez e com o crescimento da dívida pública e privada. Eu próprio estou também preocupado”, afirmou.

Considerado o ‘pai da austeridade’, Schäuble vai assumir o cargo de presidente do Bundestag e participou na segunda-feira, pela última vez, numa reunião do Eurogrupo, que reúne os ministros das Finanças dos países da zona euro.

A sua saída ocorre numa altura de incerteza na Alemanha, após a subida do partido populista e nacionalista de direita AfD nas eleições legislativas, onde conquistou uns surpreendentes 12,6% dos votos. Mas Schäuble acredita que a subida deste partido não vai afastar a Alemanha do seu compromisso com a democracia liberal. “Não há hipótese de a Alemanha voltar a recair no nacionalismo”, disse na mesma entrevista.

Leia mais, nesta edição nº 125 do Jornal Mercado, brevemente nas bancas.

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.