Mercado

Vendas da Seat voltam a subir em 2017 e atingem melhor resultado desde 2001

12/01/2018 - 10:52, Global Report

A Seat anunciou que as vendas de automóveis da marca espanhola subiram 14,6% em 2017 face ao ano anterior, para 468.400 automóveis.

Dinheiro Vivo

A SEAT anunciou hoje que as vendas de automóveis da marca espanhola subiram 14,6% em 2017 face ao ano anterior, para 468.400 automóveis, sendo o quinto crescimento anual consecutivo da marca e o melhor resultado desde 2001. O aumento representa quase mais 60 mil automóveis face a 2016 e é “o melhor resultado de vendas desde 2001 e um dos mais marcantes na história da marca”, avança a SEAT em comunicado.

Segundo o documento, este é o quinto exercício consecutivo de crescimento e, entre 2012 e 2017, as vendas subiram 45,9%. Em Dezembro, a SEAT entregou 32.900 automóveis, um crescimento de 12,9% em comparação com igual período do ano passado. As vendas foram impulsionadas pelo novo SUV da marca, o Ateca, que no seu primeiro ano completo de comercialização, atingiu 78.700 unidades vendidas.

Também os modelos Leon e Alhambra “alcançaram em 2017 os valores de vendas mais elevados da sua história”, com subidas de 2,9% (170 mil unidades) e de 1,7% (31.200) respectivamente, lê-se no documento. Já o Ibiza concluiu o exercício com 152.300 veículos vendidos, mais 0,6% do que em 2016, segundo a SEAT. Os principais mercados da marca são a Alemanha, que lidera as vendas da SEAT, seguida pela Espanha, Reino Unido, México e França.

“O êxito comercial da SEAT está a ter uma repercussão positiva nos resultados financeiros da empresa. Nos nove primeiros meses de 2017, a SEAT obteve um lucro operacional de 154 milhões de euros, mais 12,3% comparativamente ao período homólogo do ano anterior”, sublinha a marca.

 

Gosta deste artigo? Partilhe!

Deixe o seu comentário

You must be logged in to post a comment.